Mediação do Conhecimento e Cultura Científica

Os serviços educativos são determinantes para a promoção do conhecimento nas organizações de ciência e cultura. O seu trabalho envolve, por isso, públicos e comunidades de todas as faixas etárias e contextos sociais.

O futuro dos serviços educativos volta a estar em discussão no Pavilhão do Conhecimento - Centro Ciência Viva, nos dias 3 e 4 de fevereiro de 2020. Será um espaço de reflexão, debate e troca de ideias sobre o trabalho de mediação dos serviços educativos na promoção do conhecimento, da ciência e da cultura.

Esta edição dará destaque ao papel dos museus e espaços do conhecimento como locais de transformação, participação pública e responsabilidade social, contando com a presença de um painel de oradores nacionais, keynote speakers internacionais e workshops práticos.


PROGRAMA

Programme - English version

DIA 3, SEGUNDA-FEIRA

09:00 RECEÇÃO DOS PARTICIPANTES

10:00 POLÍTICAS MOBILIZADORAS: DA EDUCAÇÃO À CULTURA CIENTÍFICA

Mesa redonda . Auditório José Mariano Gago

Rosalia Vargas, Presidente da Ciência Viva

João Sobrinho Teixeira, Secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior

João Costa, Secretário de Estado da Educação

Ângela Ferreira, Secretária de Estado Adjunta e do Património Cultural

11:00 COFFEE BREAK

11:30 ABDULAZIZ ALHEGELAN: ENHANCING THE DIALOGUE BETWEEN CULTURES

Keynote . Auditório José Mariano Gago . Intervenção em inglês

Cultures are wide and diverse around the world, yet they shouldn’t stand in the way of international collaboration aiming to make earth a better planet to live on. Not so surprisingly, even though we live in different parts of the globe and each has his/her own culture, we almost face the same challenges and have similar goals for our future. As science communication professionals, we are a community with members spread around the world working together to advance science and share it among the citizens of planet earth to secure a safe and sustainable future for the generations to come. During this speech, Abdulaziz will focus on the challenges and goals of science communicators in theMediterranean and North Africa region, where you will realize that it is the same all over the world. Hence, we need to work together and enhance our dialogue to lift up our sector and achieve our supreme goal.

12:30 ALMOÇO LIVRE

14:00 POTENCIAR O ENVOLVIMENTO ATIVO DOS VISITANTES

Workshop Scenario . Átrio

O papel dos diferentes públicos - no enriquecimento da dinâmica dos espaços de mediação do conhecimento - tem vindo a ganhar força ao longo dos últimos anos. É crucial potenciar iniciativas capazes de envolver todos os cidadãos na vida dos museus e espaços culturais. Neste workshop serão exploradas estratégias para atrair o envolvimento ativo do público em instituições e ações de mediação do conhecimento. Tendo como base um cenário fictício (previamente definido), serão exploradas ferramentas que podem ajudar a cocriar um evento público de comunicação científica.

Moderação:

Carlos Catalão, Ciência Viva

16:30 COFFEE BREAK

17:00 RE-IMAGINAR UMA EXPERIÊNCIA DE APRENDIZAGEM

Painel . Auditório José Mariano Gago

Todos sabemos como é difícil promover atividades inovadoras, que se evidenciem pela sua criatividade e eficácia na mediação de conhecimento junto do público. Seja por falta de tempo, financiamento, inspiração ou pelo receio de arriscar, muitos programas acabam por circular em torno de ideias prévias, enquanto as alternativas excitantes acabam por definhar. Em que contexto surge então a criatividade que conduz à inovação? Que constrangimentos se opõem e que oportunidades favorecem o processo criativo?

Introdução e moderação:

Leonel Alegre, Universidade de Évora

19:00 CHILL-OUT COCKTAIL

Explora

DIA 4, TERÇA-FEIRA

10:00 BRIAN TRENCH: SCIENTIFIC CULTURE, SCIENCE MUSEUMS AND THE SOCIAL CONVERSATION ON

Keynote . Auditório José Mariano Gago . Intervenção em inglês

Among the many possible meanings and uses of "scientific culture", Brian Trench will focus on the place of science in public culture and how science museums and other organisations concerned with science communication contribute to situating science in society. He will raise questions on the image of science that such organisations present to society and he will redefine science communication as "the social conversation about science", suggesting that science communication activities can be evaluated as stimulating (or not) that conversation.

11:00 COOL TOOLS & HOT TOPICS

Workshop Scenario . Átrio

No século XXI os museus e espaços culturais enfrentam novos desafios. A poluição, a migração, os desastres naturais... Ouvem-se conversas na rua, está na primeira página de todos os jornais e os programas de televisão competem pelos melhores cientistas do país. Mas como estamos nós a lidar com estes temas quentes da atualidade? Neste workshop, os participantes serão divididos em grupos que representam diferentes espaços culturais ficcionais. Cada grupo contará apenas com a sorte para determinar o orçamento, recursos, restrições e oportunidades para desenvolver estratégias criativas de comunicação que visem apresentar e debater tópicos científicos e tecnológicos atualmente na agenda social. No final da sessão, avaliaremos os pontos fortes e fracos de cada estratégia e discutiremos as maravilhas (e dificuldades) de trazer tópicos científicos importantes para museus e centros de ciência.

13:00 ALMOÇO LIVRE

14:30 NGAIRE BLANKENBERG: MUSEUMS AS SAFE PLACES

Keynote . Auditório José Mariano Gago . Intervenção em inglês

Museums are widely regarded as some of the most trusted institutions in the world - even among those who don't visit them. How can museums ensure that they continue to earn, and in some cases build this trust among an increasingly diverse public. Does being a safe space require neutrality or advocacy? How to balance the needs of visitors and staff who often have conflicting perspectives and expectations?

15:30 ENCERRAMENTO

Auditório José Mariano Gago



KEYNOTE SPEAKERS

ABDULAZIZ ALHEGELAN

Abdulaziz Alhegelan, diretor executivo do Mishkat Interactive Center, é o atual presidente da NAMES, a rede de centros de ciência do Norte da África e Médio Oriente. Formado em Engenharia Industrial na Universidade King Saud, ingressou no Centro Interativo Mishkat de Energia Atómica e Renovável, na Arábia Saudita, como Engenheiro de Manutenção em 2013 e foi promovido a Diretor Executivo Adjunto em fevereiro de 2016. Abdulaziz trabalha também como consultor e especialista em desenvolvimento de negócio em espaços museológicos vocacionados para a aprendizagem não formal.

BRIAN TRENCH

Formado em jornalismo, editor, professor da Dublin Citty University e investigador na área da comunicação de ciência, Brian Trench é presidente da Rede Internacional de Comunicação Pública da Ciência e da Tecnologia (PCST) desde 2014, e consultor em projetos de literacia científica e participação pública. Orador convidado em mais de 20 países, é também autor de múltiplos artigos e livros como o Routledge Handbook of Public Communication of Science and Technology (2008, 2014, 2020) e Little Country, Big Talk - science communication in Ireland (2017).

NGAIRE BLANKENBERG

Ngaire Blankenberg é consultora, e internacionalmente reconhecida pelo seu trabalho na revitalização de espaços urbanos e transformação museológica. Ao longo dos anos, esteve envolvida em mais de 50 projetos culturais distribuídos por 35 cidades dos 5 continentes. Alguns dos seus projetos mais recentes incluem o MEG - Musée d'ethnographie de Genève, o Museum of the Future (Dubai), Biotopia (Munique), Constitution Hill (Joanesburgo), Parlamentarium (Bruxelas), Smithsonian National Museum of African American History and Culture (Washington), o Canadian Museum for Human Rights, e o Te Papa National Museum of New Zealand (Wellington). É co-autora do livro Cities, Museums and Soft Power, e uma impulsionadora do papel dos museus como locais de transformação, participação e responsabilidade social.

Local

Pavilhão do Conhecimento
Centro Ciência Viva

Morada:
Largo José Mariano Gago, nº1
Parque das Nações
1990-073 Lisboa
Portugal

Organização